Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Triângulo Perfeito

A vida de uma família perfeitamente normal

O Triângulo Perfeito

A vida de uma família perfeitamente normal

25.05.22

Santa inocência

Ana
- Mamã, sabias que o meu amigo G antes de nascer já fazia ginástica? - Ah...sim, estou a imaginar. A mãe continuou a ir ao ginásio e ele fazia exercício dentro da barriga. É isso? - Nao. Não foi nada disso que ele me contou... ele disse-me que fazia boxe com as frutas. E ganhou músculo! - Quais frutas?! Não estou a perceber nada! - Oh meu Deus. Não percebes? São as frutas que a mãe comia quando estava grávida! As frutas iam para a barriga dela e ele treinava a dar (...)
02.05.22

Comentários do Vasco

Ana
- Papá, já reparaste que o Xavier agora quer ver sempre os mesmos desenhos animados na televisão? É "bichos detetives" a toda a hora! - É verdade... - Olha agora ali na sala! Lá está ele a ver de novo! Puxa, está mesmo possuído...
22.04.22

Por esta não esperava

Ana
- Vasco, já viste como o céu está hoje? De um lado céu limpo, do outro lado nuvens com chuva... sabes qual é o fenómeno da natureza que pode aparecer no meio deste céu nublado a qualquer momento? - Sim, claro. É o Dom Sebastião!!
05.04.22

Precisa-se urgentemente de pessoas que precisem de ajuda

Ana
- Mamã, hoje não tive o "ponto de bom comportamento" na escola. Mas foi injusto (é sempre injusto, na opinião dele, kkk)- Mas então o que aconteceu?- Olha, o G. teve ponto porque ajudou um menino. Mas eu juro! Eu juro que andei pela sala toda e não encontrei ninguém que quisesse ser ajudado. Ninguém! Podes falar com os meninos da minha sala?- Sim, mas... para quê?- Ah... para eles aceitarem ser ajudados e pedirem a minha ajuda, mesmo que não precisem. Dava jeito que eles fizessem (...)
03.03.22

A ver (ovos) estrela(do)s

Ana
Vasco, 6 anos.   - Mamã, já sei como vou terminar com a guerra! - Como? - É fazer ovos estrelados e atirar à cara dos soldados. Com um ovo em cimda de cada olho, não vão conseguir combater!   A vida é tão simples aos olhos de uma criança, não é?
14.12.19

3 perguntas de rajada!

Ana
No início da semana fui dar um passeio com o Vasco e tive que responder de rajada a três questões. Primeira: - Mamã, tu no outro dia disseste que eu no início era uma bolinha. Como é que esse bolinha cresceu e se transformou em mim? Segunda: - Mamã, como é que as renas do Pai Natal voam se não têm asas? Terceira: - Sabias que o fogo derrete o gelo e que o gelo apaga o fogo? Então afinal qual é o mais forte?! E é isto a que chamam a "idade dos porquês", penso eu... Deus me (...)
27.10.19

As coisas que ele sabe!

Ana
Toda a gente sabe que o Vasco adora shoppings e hipermercados (sai à mãe) e neste momento já sabe o nome de quase todos. No outro dia em conversa : - Vasco vamos aquele hipermercado onde compråmos o ovo de dinossauro. Lembras-te como se chama? - Sim. É o Lec lec! (Leclerc). - Muito bem... e já agora como é que se chama aquele supermercardo ao pé da tua escola? - Pingo doce! - Boa... - E aquele que fica perto da casa onde há insufláveis? - Continente! - Sim senhor. E aquele que (...)
12.10.19

E agora?

Ana
Ontem o Vasco e uns amigos decidiram deliberadamente rasgar um dos livros do infantário. Assim que a auxiliar da sala dele me deu a notícia fiquei zangada e disse imediatamente ao Vasco que ia tirar dinheiro do mealheiro dele para substituirmos o livro que se estragou. - Sabes aquele dinheiro que andas a juntar para comprar um carro grande? Pois parte desse dinheiro vai sair agora, para comprarmos um livro novo para a escola. E amanhã já vamos tratar disso! - disse -lhe num tom sério. Pen (...)
13.09.19

Ver com olhos de VER

Ana
A caminho do infantario, diz-me o Vasco: ‐ Mamã, não vás tão rápido com o carro. ‐Porquê? Não queres ir para a escola? - Não... não é isso. É que eu quero ver as coisas. ‐ Quais coisas? ‐ Os carros, as árvores e as pessoas. Quero ver como é que as pessoas vão vestidas. ‐ Ai sim? - Sim. Quero ver a cor das calças e das camisolas. E como são as sapatilhas. Estás a perceber? - Sim. - Então não andes rápido! Vasco... futuro designer de moda?
26.07.19

Algures esta semana

Ana
- Mamã, eu gosto muito de ir à feira. Quando é que vamos? - Na nossa cidade é à quarta-feira. Ou seja, é AMANHÃ No dia seguinte: - Mamã, já estamos em amanhã? - Como assim? -Hoje é amanhã? - Não, Vasco! Hoje é... hoje. Buáaaaaaaaa!! (choro desconsolado) - Mas que é que se passa Vasco? - Mentiste-me!!  - Eu? - Sim!!! Ontem disseste-me "Vamos à feira AMANHÃ". - Exato... E eu cumpro as minhas promessas. - Mas não vamos, pois não? - Porquê? - Porque afinal estamos em (...)

Sigam-me também em