Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Triângulo Perfeito

Sou uma mulher no meio de três homens. Vértices de uma constelação de amor, eles são o meu triângulo perfeito.

O Triângulo Perfeito

Sou uma mulher no meio de três homens. Vértices de uma constelação de amor, eles são o meu triângulo perfeito.

Março 27, 2019

O Triângulo Perfeito

No fim de semana o tempo estava bom, e apetecia estar cá fora.

Estendemos uma mantinha no jardim da avó e por lá ficámos a relaxar. Que bem que soube apanhar os primeiros raios de sol de primavera!

Tinha levado a máquina fotográfica comigo e aproveitei para registar o momento.

É notória a cumplicidade que já se criou entre os dois irmãos...

São momentos ternurentes como este que nos fazem acreditar que ter dois filhotes tão próximos foi uma boa opção!

 

IMG_1825.JPG

IMG_1820 - Cópia.JPG

IMG_1821.JPG

IMG_1822.JPG

IMG_1828 (1).JPG

IMG_1819.JPG

IMG_1823.JPG

IMG_1824.JPG

IMG_1808 - Cópia.JPG

Mais fofura que isto é impossível, não acham? 

Setembro 03, 2018

O Triângulo Perfeito

Com o calor a apertar, nos últimos dias de férias esta família foi experimentar praias artificiais e parques aquáticos aqui da zona.

A primeira visita que fizemos foi à Praia Urbana de Santo Tirso. É um espaço pequeno, mas muito interessante.

Esta praia foi construída em 2016, com base no projeto vencedor do Orçamento Participativo Jovem.

IMG_0675.JPG

Já lá tínhamos estado no ano passado só para conhecer o espaço. Mas nessa altura não tomámos banho porque não íamos preparados. Nenhum de nós tinha levado bikini ou toalha. 

Desta vez, já estávamos mais do que prontos! E lá fomos os quatro.

A mãe e o bebé pequeno ficaram na sombrinha do bar de apoio, enquanto o pai Zé e o Vasco se divertiram nos repuxos. Nesta praia não há banho no rio, nem piscina artificial; apenas jatos de água que saem do solo numa determinada sequência, refrescando as crianças e dando origem a muitas brincadeiras...

Outra vantagem deste parque é ser inteiramente grátis, ao contrário de outros que temos visitado.

Ficam as imagens deste fim de tarde maravilhoso:

 

IMG_0620 (1).JPG

 

IMG_0621.JPG

 

IMG_0623.JPG

 

IMG_0612.JPG

 

A ciclovia mesmo ao lado convida a um passeio...

IMG_0619 (1).JPG

 

Momento em que, sem estar à espera, o Vasco leva com um repuxo na cara :))

IMG_0628.JPG

 

A mãe esteve sempre vestida... Mas para o ano vou desforrar-me nestes repuxos!

IMG_0630 (1).JPG

 O bar de apoio dá sempre jeito! E tem sombrinhas para descansar.

IMG_0640.JPG

 Existem alguns (poucos) guarda-sois. Mas convém chegar cedo para reservar. Sobretudo no mês de agosto.

IMG_0639.JPG

 

Setembro 02, 2018

O Triângulo Perfeito

Assim que começámos a melhorar da mega-ite (bronquiolite, faringite e amigdalite que afligiram esta família em pleno verão) decidimos "atacar" a praia e as piscinas. 

Como o Xavier ainda  só tem 2 meses e a praia é desaconselhada nestas idades, optámos por deixar o filho mais velho ir com os avós à praia, ficando nós por casa. Mas com um pequeno bónus:

O Vasco saía de casa no início do dia com os avós, mas nós (pai, mãe e mano mais novo) íamos lá ter por volta das 18:00 horas quando o calor e o sol começavam a ser menos perigosos.

Pegávamos no carro, andávamos 20 km, mais não sei quanto tempo para estacionar... só para estar lá duas horas! Foi muito cansativo, mas valeu a pena, sinceramente.

Sentimos estes últimos meses implicaram muitas mudanças para o mano mais velho. Não fez as férias habituais, tem um mano mais novo, desfraldou...

Queríamos que ele soubesse que também podia contar com a nossa presença na praia, mesmo que por poucas horas. 

Claro que aqui a mãe Ana passou o tempo quase todo dentro da barraca a dar de mamar e a para proteger ao máximo o bebé mais pequeno do sol. Mas ainda assim, deu para algumas banhocas e brincadeiras.

Foram dias felizes.

IMG_0589 (2).JPG

IMG_0566.JPG

IMG_0572.JPG

IMG_0584.JPG

 IMG_0582.JPG

 

IMG_0594 (1).JPG

 

IMG_0575.JPG

 

O avô Pi a aventurar-se nas rochas com o Vasquito:

IMG_0518.JPG

 

IMG_0521.JPG

Como sardinhas em lata!

IMG_0522.JPG

 Breves passeatas com a mãe:

IMG_0564 (1).JPG

 

IMG_0543.JPG

  

IMG_0523.JPG

 

IMG_0526.JPG

 

IMG_0527.JPG

 

IMG_0555.JPG

IMG_0588.JPG

 

Agosto 29, 2018

O Triângulo Perfeito

As nossas férias, este ano, foram aqui pelo norte.

Temos dois filhotes pequenos (um deles recém-nascido) e achámos que seria melhor ficar por perto. Até porque a logística seria de loucos :))

 

Na primeira semana de férias toda a família andou adoentada. O Vasco com uma otite, o pai Zé com uma amigdalite e eu com uma faringite. Só o bebé pequeno é que conseguiu safar-se das "ites"!

Fomos todos corridos a antibiótico e andámos uns dias super cansados e em baixo de forma. Foi um início de férias desgastante.

 

Assim que começámos a melhorar, optámos por deixar a praia e a piscina de lado para não corrermos o risco de ter uma recaída.

Em vez disso, fomos visitar alguns parques temáticos destinados à criançada. 

 

A primeira visita que fizemos foi ao Sea Life, no Porto. Nesse dia, estava imenso vento na marginal... Ainda bem que optámos por um recinto fechado, porque a praia não deveria estar propriamente boa.

 

Entrámos no Sea Life e a primeira coisa que fizemos foi tirar uma fotografia de grupo. Já tínhamos várias fotografias dos miúdos, mas até aqui nunca tinhamos tirado um retrato de família. Ficou assim (foto desfocada, porque já é a foto da foto...)

 

40279540_202184543834831_5637782417298161664_n (1).jpg

 

O Vasco gostou dos peixes e das tartarugas, mas viu tudo muito rápido, como aliás é habitual nele. Ainda o tentavamos abrandar com "Ahs" "Ohs" de exclamação e comentários sobre os peixes, mas só se deteve quando entrou no túnel dos tubarões. Ficou um pouco amedrontado nesta etapa: uma coisa é ver tubarões nos desenhos animados; outra bem diferente é ver ao vivo. Mas acho que mesmo assim adorou.

 

 A meio do percurso o Xavier começou a chorar e eu já sabia o que ele queria: tinha fome!

Procurámos um bom local para amamentar e acabámos por assentar arraiais no exterior - estou a falar de um pequeno parque ao ar livre, com escorregas e um bar de apoio que faz parte do Sea Life. Ou seja, só tem acesso a este mini-parque quem pagar entrada.

 

Depois da mamadela da praxe, voltámos a entrar no parque temático para ver o resto dos animais.

Nesta segunda parte da visita, foram as raias que captaram a atenção do Vasco, em particular a piscina onde várias raias nadavam em círculos. Giro, mas um pouco intimidante :)

 

À saída do Sea Life, comprámos a nossa fotografia de família e eu ainda adquiri um pequeno tubarão em miniatura para o Vasco. 

 

Quando chegámos ao carro, estávamos cansados mas felizes. Quer dizer... achava eu!

O maior choque foi quando perguntámos ao Vasco o que ele tinha achado do "Parque dos Peixes".. 

 

- Então Vasco, gostaste de ver os peixes? Foi fixe não foi?

- Não. Eram muito feios. E o tubarão era mau.

 

E pronto... É assim que um miúdo de 2 anos destrói todo um programa recreativo familiar, ah ah! 

 

No dias seguintes, fomos visitar outros parques. Já conhecem a Quinta de S. Inácio? Também é "muito fixe" e já podem ver algumas fotos no instagram do blogue.

Vou falar disso no próximo post... :)

Julho 03, 2018

O Triângulo Perfeito

IMG_20180624_144737 (2).jpg

 

O meu filho é um miúdo meigo e ternurento, mas ontem estava um pouco mais doce ainda que o normal.

Portou-se lindamente, desde o momento em que o fui buscar à creche até ao final da noite. Foi um daqueles dias 5 estrelas.

Não fez birra no supermercado, e deixou-me fazer compras à vontade.

Não chorou para sair do corredor dos brinquedos.

Chegando a casa tomou banho alegremente e comeu o seu jantar sem grandes fitas. A cozinha ficou (quase) limpa.

Depois do jantar pediu-me várias vezes que brincasse com ele. Apesar de sentir algumas dores, aceitei.

Estivemos bastante tempo sentados no tapete a brincar aos "acidentes" e "tinonis" com os carrinhos e as pistas de automóveis. 

No fim, fez chichi no pote, lavou os dentes e bebeu o leitinho.

Deitou-se no chão da sala e preparou-se para dormir. Deitei-me ao pé dele e apaguei a luz.

Fiquei a pensar se aquele não seria o último dia dele como filho único.

E ao mesmo tempo que pensei isto, com impulso agarrei-lhe a mão de mansinho.

Como se de repente pressentisse o mesmo, o meu filho abraçou-me e fez-me festinhas no rosto com uma doçura maior que costume.

Quando o senti adormecer, tentei levantar-me, mas logo desisti quando ouvi um "não vás, mamã".

Fiquei mais tempo, até o sentir verdadeiramente a dormir, sempre a fazer-lhe miminhos. 

Abandonei a sala com o coração cheio de mel. 

Antes de virar para o corredor em direção ao quarto, olhei de relance para o meu filho.

Dormia tranquilamente com ar satisfeito.

Meia hora depois, o pai foi busca-lo para o levar para a sua verdadeira caminha no quarto. É este o nosso ritual.

 

Foi ali.

Foi ontem.

Naquele gigantesco abraço.

Foi naquele momento que (não tenho dúvidas) fizemos a nossa despedida de "filho único". 

Um momento só nosso e muito, muito especial.

O fim da nossa família como ela era. E o princípio de algo novo e diferente.

Não sei se o parto é hoje, não sei se é amanhã, se é depois. Mas agora sei, graças ao meu filho... que está para muito, muito breve.

 

Chamem-me louca, mas acredito que o meu filho previu que o "momento" está próximo.

E quis ter-me só para ele mais um tempinho. 

Daí o portar-se bem.

Daí a tamanha sofreguidão por mimos e abraços.

 

Talvez ele ainda não saiba que o amor de mãe não se esgota, nem se divide. 

Multiplica-se. 

Mas vai saber em breve.

Sigam-me também em

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D