Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Triângulo Perfeito

A vida de uma família perfeitamente normal

O Triângulo Perfeito

A vida de uma família perfeitamente normal

04.09.19

Vamos falar de séries?

Ana
Embora o cansaço seja muito e não tenha grande tempo para o fazer, a verdade é que depois de deitar os miúdos gosto de ver algumas séries na TV.  Anatomia de Grey está sempre na lista, assim como a Casa de Papel. Ultimamente, descobri ainda na neflix uma série espanhola chamada VIS A VIS que adoro! É dos mesmos criadores da Casa de Papel e tem o bonus de incluir duas das atrizes dessa série. ( A Alba Flores que faz de Nairobi está em Vis a Vis com mais um papel espetacular.) A (...)
15.04.19

Estreia do Vasco no cinema

Ana
  Ainda me lembro da primeira vez que fui ao cinema. Tinha 6 anos, estava de férias em casa da minha tia de Lisboa e levaram-me a ver o filme "Dama e o Vagabundo", uma história sobre o amor improvável entre dois seres de classes sociais diferentes.. Fico feliz porque a estreia do Vasco no cinema aconteceu com um filme igualmente maravilhoso. Dumbo deve ser visto por inúmeras razões. Para além da beleza da história, é uma lição de vida em muitos sentidos. O Vasco com apenas 3 (...)
28.01.19

8 meses depois... fomos ao cinema!!

Ana
Cá em casa somos super fãs de cinema. Adoramos o escurinho, as pipocas e toda aquela sonoridade... Antes de os miúdos nascerem, as idas ao cinema eram uma constante. Não havia uma única semana em que não vissemos um filme. Quando o miúdo mais velho nasceu, deixamos temporariamente de ir. Mas passado uns meses, lá estávamos nós batidinhos (deixávamos o pequeno com os avós). Agora, com o mano mais novo foi mais difícil regressar ao hábito, devido à amamentação.  O bebé (...)
13.06.18

A casa de papel

Ana
Com alguns meses de atraso, e depois de ouvir meio mundo a dizer maravilhas da série "Casa de Papel", lá me predispus a ver! Não posso dizer que tenha ficado imediatamente rendida...  aliás, estranhei um pouco aquele primeiro episódio, tão seco, despido e numa língua que não aprecio particularmente. Mas com o tempo fui-me apaixonando cada vez mais. Deixei-me ficar para o segundo episódio, só para poder dizer que dei uma segunda oportunidade. E foi aí que a série me (...)

Sigam-me também em