Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Triângulo Perfeito

Sou uma mulher no meio de três homens. Vértices de uma constelação de amor, eles são o meu triângulo perfeito.

O Triângulo Perfeito

Sou uma mulher no meio de três homens. Vértices de uma constelação de amor, eles são o meu triângulo perfeito.

O desafio viral (2009-2019)

Por causa de um certo desafio que anda a percorrer as redes sociais, lembrei-me de ir procurar fotos minhas do ano de 2009...
Encontrei fotos de 2006, 2007 e 2008. 2010, 2011... até hoje.

 

De 2009? Pouco ou nada.

 

Enquanto procurava fotografias para postar aqui no blogue, ia passando por outras que me acenderam a memória.
Sorri internamente ao recordar jantares de natal, festas de amigos, picnics e passeios na praia. Idas ao cinema e convívios de família. Fui feliz.
"Que bom ter tantos momentos gravados em imagens.- pensei.
Que bom ter tantas e tantas fotografias!"

 

Então porque não tenho praticamente nada de 2009?

 

Há anos que nos mudam.
Mesmo que a gente não queira, mesmo que a gente resista... há anos em que somos obrigados a mudar.
Anos em que nos pomos a pensar no caminho já percorrido e no caminho que queremos percorrer.
São anos de descontrução e de decisões difíceis. Anos de muita sombra e desilusão.
Porra, sejamos sinceros... são anos duros de roer.

 

Agora lembro-me. Lembro-me de 2009.
Acho que deixei lá as todas as minhas lágrimas.

 

Foi o ano em que nevou na minha cidade (após décadas de ausência). Eu estava lá e não vi! Só soube no dia seguinte.

Não vi porque me fechei em casa, de portas e janelas fechadas para o mundo. Telefone e televisão desligadas. Como eu estava triste nesse dia...

 

Aconteceram muitas coisas em 2009. Umas boas, outras más. Houve risos, houve mágoas, houve aprendizagens, houve deceções.
Certamente que foi tudo necessário, para que eu fosse a pessoa que sou hoje.

Mas fico sempre aborrecida quando alguém fala da neve, e das aulas interrompidas e dos miúdos cá fora a fazer esculturas geladas... Deve ter sido espetacular.

 

Um dia vai nevar novamente e eu não quero ficar à parte.
Quero estar lá, no meio do acontecimento, a rir e a divertir-me como os outros.

 

Há coisas que acontecem poucas vezes na vida.
É a neve na minha cidade, são os ecplises, é o cometa halley a passar por nós...

 

Temos que estar atentos para não deixarmos a vida passar ao lado. 
Temos que perceber que o tempo não pára e as segundas oportunidades nem sempre surgem.
Todos os dias há pequenos milagres e é a nossa tarefa reconhece-los, para que os possamos abraçar.

 

Para conquistar o mundo temos que ir à luta, sair do casulo.
Se nos fecharmos em casa à espera de um milagre... vamos perder todos os milagres que acontecem diariamente no mundo exterior. 
Vamos perder tantas e tantas oportunidades...

 

Foi isso que 2009 (mesmo com tão poucas fotos) me ensinou.
E é essa a lição que trago desse ano. 

Cá fora. É onde a vida acontece. 
Como eu gostava de ter visto a neve...

228_0.jpg

 

Sigam-me também em

5 comentários

Comentar post