Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Triângulo Perfeito

Sou uma mulher no meio de três homens. Vértices de uma constelação de amor, eles são o meu triângulo perfeito.

O Triângulo Perfeito

Sou uma mulher no meio de três homens. Vértices de uma constelação de amor, eles são o meu triângulo perfeito.

Está na altura de pensar em mim...

IMG_0956.JPG

 

Nos últimos 7 meses,  descuidei a minha alimentação (mal tenho tempo para comer), e à noite estou tão cansada que me baldo constantemente ao ginásio.

O meu cabelo não tem corte definido (há mais de um ano que não vê uma tesoura) e estou cheia, cheia de brancas!

Tenho as unhas roídas.Verniz, então?... nem vê-lo.

Para piorar,  ando vestida como uma maltrapilha. Parte de cima sem combinar com parte de baixo, sempre a abusar do conceito "roupa confortável de mãe"...

Sei que algumas vezes saí à rua com a camisola virada do avesso.Perdi a conta às ocasiões em que fui buscar o mais velho ao infantário com as calças cheias de nódoas de sopa.

Foram 7 meses de desmazelo, eu sei. Mas não tive grandes alternativas.

Entre gastar o meu tempo nas lojas/cabeleireira/manicure, ou gastar o tempo a cuidar dos meus filhos... escolhi a segunda opção.

Conheço pessoas que conseguem conciliar na perfeição as duas coisas e admiro-as imenso, só que... eu não consigo.

Há muitos meses que não cuido de mim. Anulei-me um pouco, deixei de me ver como pessoa.

Mas o cenário vai mudar!

Agora que o Xavier anda a fazer pequenos "estágios" na creche, tenho algumas horas de desafogo e vou usar o tempo para me mimar um pouco.

Mais importante que isso... na sexta-feira começo a trabalhar e está FORA DE QUESTÃO ir para o meu trabalho com este aspeto!! :)

Está na altura de pensar em mim... de perder algumas horas a recauchutar aquilo que o cansaço dos últimos meses estragou.

Está na hora de me pôr apresentável (já não digo, bonita) porque tenho uma profissão em que lido constantemente com pessoas (colegas, encarregados de educação e alunos) e... quer queiram, quer não... a imagem também ajuda muito.

Não quero ir para o meu emprego toda "vamp", não faz o meu estilo. Mas também não vou levar o meu confortável fato de treino do Mickey, indumentária preferida dos últimos meses.

Está decidido... nos próximos dias vou despir a pele de "Ana que é só Mãe", para me tornar novamente a "Ana que é mãe e muitas outras coisas".

Basicamente, pessoal... vou-me quitar toda. Tipo carro de tunning, brrrummmm!!!

Já estava na altura... :))

Sigam-me também em

6 comentários

Comentar post