Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

Casei com o Ronaldo

depositphotos_48301175-stock-photo-envelope-full-of-euro-cash.jpg

 

Hoje à tarde contei-vos um sonho que costumo ter quando estou acordada. Agora vou contar um sonho que tive ontem quando estava a dormir. 

 

Pois bem... Esta madrugada sonhei que tinha casado com o Ronaldo.

Espero que o vértice masculino não fique muito chateado. Se há homem que não me diz rigorosamente nada é o Ronaldo, por isso, acho que não vale a pena ganhar ciúmes. Ok...? :)

 

No sonho, eu tinha um filho e o Ronaldo também tinha um bebé.

O meu filho vestia-se normalmente como um rapaz de 20 meses. O filho do Ronaldo tinha a mesma idade, mas calçava umas botas texanas de pele, com um casaco de couro cheio de pregos de metal. 

 

O sonho foi curto. Mas nesse sonho, recordo-me de a minha mãe me ter telefonado a implorar :

"Ó filha, tu diz ao Ronaldo para não vestir o puto dele assim! A roupa é pirosa e aquelas botas devem entortar-lhe os pés...Olha que fica deficiente para a vida! "

Respondi que não havia nada a fazer, que as pessoas ricas eram assim estranhas, blá, blá, blá.

 

Pouco antes de acordar lembro-me de ter chegado a um aeroporto. O aeroporto ficava em... Pombal (?). Mesmo à frente de um restaurante onde, nos anos 80, as camionetas paravam para o pessoal comer arroz de tomate. 

 

(não consigo interpretar isto, já fui ao meu livro "dicionário dos sonhos" e não aparece lá nada sobre arroz de tomate)

 

O avião era parecido com um barco, mas essa parte eu sei explicar. Acabei de ler um livro chamado "Voando sobre as Águas" do Ken Follet, que falava do Clipper, um gigantesco hidroavião. Portanto, devem ser influências disso.

 

Por último, e julgo eu, o mais importante, o querido Ronaldo antes de entrarmos no avião entrega-me um envelope cheio de notas. Disse que era para eu guardar, que ele não podia. Ok. Na boa. 

 

OMG, eram Milhares de euros!!

Fiquei a olhar para o envelope com ar guloso, ao mesmo tempo que ouvia miar. O miado tornou-se cada vez mais forte, mais forte e...

 

... o "miau" era da minha gata Kikas. A bicha queria comer e estava mesmo em cima de mim a pedinchar. Foi aí que acordei  com um ar desgostoso. Por uns segundos fui rica... Por uns segundos fui rica...

 

Fazendo uma análise, acho que o sonho tem uma origem muito simples. Ontem estive na ZARA e vi quilos de roupa que queria comprar. 

Fora de brincadeiras, nunca vi uma coleção que me agradasse tanto! Apetecia-me levar tudo. Mas só levei uns conjuntitos...

 

Muito honestamente, fazia-me falta o pacote do Ronaldo. Ah... o envelope, queria eu dizer!!

Sigam-me também em

1 comentário

Comentar post