Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

Polvo à Gomes de Sá

IMG_20170203_191844 (1).jpg

 

Confusão? Ignorância? Não quereria eu dizer "Bacalhau à Gomes de Sá"?

 

Não. É mesmo polvo. Só que confecionado de uma forma que faz lembrar o famoso prato de bacalhau. 

 

Partihei a imagem desta receita há algum tempo no instagram, e prometi que ia explicar tim-tim por tim-tim como se faz. Confesso que fui adiando a tarefa... até hoje.

 

Atão é assim (e é nesta altura que eu me armo em chef de cozinha com palmarés internacional)

 

Primeiro, corta-se as batatas aos quadradinhos pequeninos (convém não aldrabar nesta etapa: se os quadrados forem grandes, vai ficar feio).

 

IMG_20170203_191535.jpg

 

Depois... tcharam... coze-se as batatas (aqui vai a imagem para esclarecer como se cozem batatas, ah ah)

 

IMG_20170203_184422 (1).jpg

 

Em seguida, pica-se cebola e salsa bem fininhas para um futuro pseudo molho vinagrete.

 

Também aqui é a forma como se pica que torna o prato bonito.

 

Como estão a ver, nesta parte eu já estava com mens paciência, por isso a salsa ficou uma bodega:

 

IMG_20170203_184501.jpg

 

Ah! Esqueci-me de dizer que enquanto se faz isto tudo, convém que o polvo já esteja a cozer.

 

Há muitas dicas e teorias para cozer polvo. Eu não uso nenhum truque em particular. Ponho a panela com água até meio, e quando a água está a ferver... pimba, assapo o polvo lá dentro. Deixo estar 45 minutos (para mim, o tempo é que é importante). Chega a uma parte que a panela está quase sem águam, espeto o garfo e, sim, o polvo está pronto.

 

O meu polvo fica sempre bem.

 

Avançemos. Agora corta-se o polvo aos quadradinhos e mistura-se com tudo o resto que está para trás:

 

IMG_20170203_191453.jpg

Depois de misturar também com as batatas, tempera-se com azeite, vinagre, e um pouco de sal.

 

Então e a parte do "Gomes de Sá"? O toque Gomes de Sá é conferido pelas batatas aos quadrados, em vez de estarem cortadas em metades como num polvo à vinagrete normal.

 

Para dar um toque ainda mais bacalhoso, decora-se com azeitonas e ovo cozido. E cá temos um prato colorido e muito saboroso!

 

IMG_20170203_191844.jpg

 

Onde é que está o ovo? O ovo cortado às rodelas foi posto depois desta foto, mas aí já estava com tanto apetite que esqueci-me de tirar fotografia. Limitei-me a comer! Hummmmm...:)

 

 

5 comentários

Comentar post