Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

Os bebés podem comer quinoa?

depositphotos_1516202-stock-photo-vegetable-quinoa-salad.jpg

 

Recém-chegada de um workshop de culinária onde aprendi a utilizar a quinoa (podes ler sobre isso aqui), fui assaltada pela dúvida:

 

Poderão os bebés comer quinoa? Será benéfico para eles?

 

As resposta é sim. E... sim!

 

A quinoa é um alimento excelente em termos nutricionais e pode ser dada logo a partir dos 8 meses (ou 6 meses, para barriguinhas menos sensíveis), em simultaneo com a introdução de outros sólidos.

Dada a sua consistência (pequenas bolinhas muito moles) o risco de engasgamento é reduzido. 

 

Considerada um alimento sagrado pelos Incas, há mais de 5000 anos que este vegetal é produzido nas regiões andinas da Bolívia e do Peru. Graças ao seu alto poder nutritivo, a quinoa foi considerada pela Academia de Ciências dos Estados Unidos o melhor alimento de origem vegetal para consumo humano.

Sabiam que até faz parte da dieta dos astronautas da NASA quando estes saem em viagens muito longas?

 

Segundo um aritgo do diário de notícias "Pais procuram uma dieta mais natural, livre de açúcares e produtos que agridem o organismo ainda imaturo dos bebés", poderão ver na quinoa uma boa alternativa a outros alimentos nocivos. "

 

Num outro artigo, da revista Forbes, são mencionados os 7 superpoderes da Quinoa, a saber:

 

1- É um dos alimentos mais ricos em proteína que existem, contendo os 9 amino-ácidos essenciais para a saúde.

2- Ela contém quase o dobro da fibra contida em outros grãos.

3- É rica em ferro.

4- Contém licínio, uma substância necessária para a reparação tecidal.

5- A quinoa é rica em magnésio que auxilia na diminuição da glicose, combatendo a diabetes; relaxa os vasos sanguíneos, diminuindo dores de cabeça e enxaqueca; aumenta a produção de energia e formação de ossos e dentes.

6- Contém Ribovlavina (B2), que melhora a energia metabolica dos neurónios e tecido muscular.

7- Contém manganésio, um antioxidante que previne o dano mitocondrial durante a produção de energia e protege os glóbulos vermelhos contra os danos provocados por radicais livres.

depositphotos_7449732-stock-photo-cooked-and-uncooked-quinoa.jpg

Quinoa cozida (à esquerda) e quinoa crua. Nos bebés pequenos deve-se optar pela cozida, que é mais facilmente digerível. O tempo de cozedura é de 8/10 minutos após fervura da água. Mais do que isto, a quinoa ficará demasiado grande e pastosa. 

 

Deixo aqui algumas receitas para bebés e graúdos. É só clicar nos links e espreitar! :))

 

http://www.papinhasdaxica.pt/2016/07/quinoa-com-manga/

 

http://www.primeirascolheradas.com/2015/08/mingau-de-quinua-com-banana/

 

Para os mais graúdos...

 

Mini hambúrguer de quinoa

 

Ingredientes

1 xícara (chá) de água

1/3 xícara (chá) de triguilho

340g de carne de lombo moída

½ xícara (chá) de cebola roxa bem picada

½ colher (sopa) sal

Uma pitada de pimento do reino

Algumas folhas de alface

1 tomate fatiado

Metade de uma abacate descascado e amassado

 

Como fazer

Coloque a água em uma panela e deixe ferver em fogo alto. Adicione o triguilho, tampe e reduza o fogo, deixe cozinhando por 10 -12 minutos ou até que fique macio. Remova do fogo e deixe descansar, com a panela ainda coberta, por cerca de 5 minutos. Depois, mexa com um garfo e deixe esfriar.

Em uma travessa, coloque a carne moída, as cebolas, sal, pimenta e o triguilho já pronto. Molde a mistura em uma forma para hambúrguer, caso você não tenha, pode colocar em uma forma de empada. Coloque as formas ou o hambúrguer em uma grelha untada. Deixe grelhar por 10 a 12 minutos ou até que fique no ponto que você prefere.

Sirva os hambúrgueres com pão, alface, tomate e o abacate amassado. Hmm!

 

(receita retirada do site Pais e Filhos)

 

 

 

 

 

1 comentário

Comentar post