Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

O Triângulo Perfeito

Um blogue de pessoas imperfeitas. A viver num triângulo perfeito.

Comer pela metade

Desde que o Vasco começou a comer frango (e a adorar coxas!) que a minha parte favorita desse animal... ficou para ele. É com a boca a salivar que o vejo a comer as coxitas que, antigamente, estavam destinadas à minha pessoa...

 

Depois do frango, chegou o queijo: não posso estar a comer uma fatia de queijinho, que o ratinho da casa vem logo tirar-me a fatia da mão. 

 

Pão com fiambre  também é uma experiência engraçada. Primeiro o Vasco diz que não quer, por isso peço apenas para mim. Quando estou quase a abrir a boca, ele pega no MEU PÃO, abre-o com gosto e retira o fiambre todo.

Conclusão: eu fico a comer pão seco e o Vasco a lambuzar-se com fiambre. 

 

A última experiência de "roubo de comida" são os húngaros, aquelas bolachinhas semi-cobertas por chocolate. Peço um para mim e outro para ele. O que acontece?

Ele come a metade da bolacha que está coberta com chocolate e dá-me a outra metade a mim. Final da história: eu acabo a comer duas metades de bolacha lambuzadas (e sem chocolate nenhum, snif!) e o Vasco fica todo satisfeito a deliciar-se com as metades cobertas de chocolate.

 

Alguém mais se identifica com esta situação?

Também têm um "ratinho da comida" aí em casa? O que já deixaram de comer por causa dele? :))

5 comentários

Comentar post